NegóciosTeixeira Duarte passa a ser metade chinesa

Grupo Teixeira Duarte anunciou, ontem, a venda de 50% à China Construction Portugal, com o objectivo de desenvolver um projecto imobiliário em Oeiras
24 de Julho, 20191233 min

O grupo Teixeira Duarte anunciou, ontem, a venda de 50% à China Construction Portugal, com o objectivo de desenvolver um projecto imobiliário em Oeiras.

Os investimentos da comunidade chinesa em Portugal têm aumentado nos últimos anos. Exemplo disso, é a recente venda de 50% do grupo português para a empresa chinesa, numa “participada de 31,1 milhões de euros”, revela a agência Lusa.

Teixeira Duarte
Teixeira Duarte encaixa 31 milhões em parceria com empresa chinesa para projecto em Oeiras.
Foto: Jornal de Negócios

O comunicado oficial prestado à Lusa adianta que “a Teixeira Duarte informa que celebrou com a CSCEC – China Construction Portugal — sociedade de direito português integrada no Grupo liderado pela China State Construction Engineering Corporation — uma parceria para o desenvolvimento de um projecto imobiliário em Oeiras”.

Um dos incentivos desta fusão e, consequente, aproximação entre os dois países, foi o facto da construtora ser “há muito, detentora dos terrenos onde será implantado o projecto”, acrescenta.

No projecto, está prevista a construção de edifícios de habitação, comércio e escritórios. Num investimento chinês de 31 milhões de euros, a empresa estima que a alienação de ações possa atingir os 22,2 milhões de euros.

Recorde-se que, em fevereiro, a Teixeira Duarte reduziu a sua dívida para os 719 milhões de euros. A venda do Lagoas Park e da Lusoponte permitiram que esta reduzisse 39%. Ainda assim, o primeiro trimestre da empresa foi positiva, averbando quase oito milhões de euros. A empresa regressou, assim, aos lucros, após a queda de quase três milhões de euros, no mesmo período do ano passado.

 

Fonte: Lusa

Deixa uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *