Sem CategoriaPlataforma de comércio electrónico chinês inaugura pavilhão virtual dedicado a Portugal

O gigante chinês de comércio electrónico inaugurou um pavilhão virtual, consumando um acordo assinado em 2018 com a AICEP.
22 de Setembro, 20201863 min

A empresa electrónica JD.COM, sediada em Pequim, inaugurou um pavilhão virtual dedicado à venda de produtos portugueses, consumando assim um acordo assinado em 2018 com a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP). 

Quinta do Portal, Symington, Bacalhoa, Porto Reccua e Real Companhia Velha são, para já, as marcas confirmadas no Pavilhão de Portugal, sendo estas as primeiras escolhidas por entre um total de cerca de 95 empresas portuguesas que tentaram conquistar uma vaga. 

De acordo com Luís Castro Henriques, “todas as empresas que se candidataram foram analisadas e contactadas e, caso o negócio lhes seja favorável, participarão nas diferentes etapas do projecto”.

Numa primeira fase, o portal vai focar-se nos vinhos, “mas o projecto está aberto a diferentes sectores, incluindo o agro-alimentar, explicou à agência Lusa o presidente da AICEP, Luís Castro Henriques”, cita o Observador. 

“Por uma questão de eficiência, a análise e negociação com cada operador nacional tem sido concretizada por etapas, tendo em conta vários fatores, designadamente, a sua presença no mercado, dimensão internacional, e capacidade imediata de integrar o projeto”, disse.

A empresa local Eternal Asia fica responsável pela intermediação entre as empresas portuguesas e a JD.com, assegurando a importação, distribuição e estratégia de marketing. A Eternal Asia também vai trabalhar com os operadores económicos portugueses para desenvolver as suas vendas no retalho físico, segundo acrescenta o presidente da AICEP.

Para além de Portugal, 13 outros países detêm pavilhões virtuais no JD.com.

Deixa uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *