ImobiliárioEconomiaInvestidores chineses apostam no imobiliário de luxo português

O imobiliário de luxo em Portugal continua a ser a procura de muitos empresários chineses.  
30 de Setembro, 20202592 min

De acordo com o estudo publicado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em 2019, o imobiliário de luxo foi o principal alvo dos compradores chineses em Portugal com o valor médio dos imóveis adquiridos a superar 373 mil euros (US$437 mil), mais do dobro da média geral dos imóveis vendidos a estrangeiros em 2019.

“A China foi a quinta mais importante fonte de compradores não residentes no ano passado, tendo os compradores chineses adquirido um total de 443 imóveis por 165,3 milhões de euros (4,8 por cento do valor global das aquisições por não residentes)”, lê-se no estudo publicado. 

De acordo com dados divulgados, mais de metade (56,7 por cento) desse valor foi investido em apenas 137 imóveis, que valiam mais de 500 mil euros cada, adquiridos em Portugal por residentes na China.

Quanto à localização, a Área Metropolitana de Lisboa continua a ser a escolhida, onde os empresários chineses representaram 11 por cento do valor transaccionado em 2019, sendo assim o terceiro maior grupo de compradores não residentes nessa zona, revelou o INE.

Deixa uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *