CulturaFeriados chineses: Assemelham-se aos dos portugueses?

Algumas das comemorações chinesas assemelham-se às portuguesas, sendo que umas coincidem no mesmo dia, outras não.  
19 de Agosto, 201912715 min

Em 2008, a China levou a cabo profundas mudanças nas celebrações de feriados oficiais. Actualmente, são celebrados sete feriados oficiais, sendo que, ao longo do ano, existem outras datas comemorativas. Alguns dos feriados chineses coincidem com os portugueses. 

Uma característica que distingue a China de outros países, nomeadamente Portugal, é que os feriados que se realizam às sextas-feiras são considerados feriados prolongados de três dias, começando à sexta-feira e terminando ao domingo.

Aos poucos, o ano de 2019 está a caminhar para o final. Ainda assim, faltam assinalar duas datas comemorativas chinesas – o Festival de Meio de Outono e o Dia Nacional da China. 

Festival de Meio de Outono 

feriados

No dia 13 de setembro, comemora-se um dos feriados mais tradicionais da cultura chinesa, o Festival de Meio de Outono. Com mais de 2000 anos de história, a data assinala a época do ano em que os agricultores se reúnem para agradecer e celebrar as colheitas, especialmente as do arroz.  Além disso, nesta data comemorativa, agradece-se, também, à Lua – considerada na mitologia chinesa como uma divindade. 

Dia Nacional da China

feriados

Celebrado a 1 de outubro, o feriado comemora a fundação da República Popular da China. Nas celebrações, estão incluídas paradas militares, bem como espectáculos de fogo de artifício. Para além disso, o Dia Nacional da China assinala o início da segunda “Golden Week”. Esta, realiza-se duas vezes ao ano e permite à população chinesa tirar uma semana de férias. Muitos deles, aproveitam essa semana para viajar. Em Portugal, a “Golden Week” é um dos períodos que regista um maior número de turistas chineses no país. 

 

Mas, afinal, há feriados chineses que conseguem assemelhar-se aos feriados portugueses?

 

Na China, e tal como se verifica em Portugal, os feriados são celebrados com comemorações oficiais que permitem, a uma parte da população, descansar nesse dia. 

 

Ano Novo 

feriados

O calendário de feriados chineses começa logo no primeiro dia do ano, com a celebração do ano novo. Nesse dia, as escolas estão fechadas, bem como a maioria dos estabelecimentos comerciais.  O mesmo se verifica em Portugal, com a população a aproveitar esse dia para passar junto dos seus familiares. 

 

Ano Novo Chinês e o Festival das Lanternas 

feriados

As comemorações do Ano Novo na China estendem-se até ao mês de fevereiro. O mesmo já não se verifica em Portugal, já que o ano novo é apenas celebrado no dia 1 de janeiro. 

O Ano Novo Chinês, ou Festival da Primavera, é a celebração mais importante para os chineses, isto porque, para além de celebrar o ano novo, essa semana assinala a primeira “Golden Week” – uma semana que os chineses tiram férias e que aproveitam para viajar. 

O Festival das Lanternas este ano celebrou-se a 19 de fevereiro. Este,é um festival que simboliza o fim das comemorações do Ano Novo Chinês. O nome advém do facto de, na noite desse feriado, as crianças saírem às ruas com lanternas de papel, atirando-as ao céu para que os problemas do ano anterior sejam deixados para trás. 

Dia de Qingming 

feriados

Considerado como o Dia de Finados Chinês, os chineses, neste dia, costumam ir aos cemitérios fazer a limpeza dos túmulos, bem como prestar homenagens aos seus antepassados. Oferecem incenso, comida e chá, enquanto pedem a bênção para a sua família. Com mais de 2500 anos de tradição e com origens budistas, o feriado, realizou-se a 5 de abril.  

Em Portugal, o feriado chinês assemelha-se com o feriado do Dia de Todos os Santos, que se realiza sempre a 1 de novembro. Nesse dia, muitas famílias aproveitam o feriado para ir aos cemitérios visitar e homenagear os familiares e amigos que já morreram, depositando velas e ramos de flores sobre as lápides. 

Dia do Trabalhador

feriados

Tal como se verifica em Portugal, o primeiro de maio é também um feriado nacional no país asiático. Na China, a data foi introduzida a 1949, com a Revolução Comunista e a criação da República Popular da China.  25 anos depois, o Dia do Trabalhador foi implementado em Portugal, após a Revolução do 25 de abril, conhecida também como a Revolução dos Cravos. 

Festival do Barco do Dragão

feriados

Nesse dia, ocorrem as tradicionais corridas de barcos em forma de dragão. Na mitologia chinesa, o dragão é considerado como uma divindade. Essas corridas tiveram origem numa lenda chinesa – um conhecido poeta da época, vendo a sua cidade a ser invadida pelo exército inimigo, decidiu suicidar-se no rio. Nesse momento, alguns populares aperceberam-se da situação e, a bordo dos barcos, em forma de dragão, tentaram salvá-lo, mas sem sucesso.   No feriado, é tradição comer zonzi – bolinhos de arroz glutinoso recheados e envoltos em folhas de bambu. Este ano, o Festival do Barco do Dragão celebrou-se no dia 7 de junho. 

 

Além destes feriados oficiais, há, ainda, outras datas festivas comemoradas na China:

Dia Internacional da Mulher

Tal como se verifica em Portugal e como forma de reconhecer a importância e o contributo da mulher na sociedade, o Dia Internacional da Mulher é também celebrado na China, a 8 de março. A data começou a ser comemorada a partir de 1922. 

A principal característica que distingue o dia da mulher na China, em relação a Portugal, é que as mulheres chinesas trabalham apenas metade nesse dia, podendo usufruir do restante tempo. 

Dia da Juventude

Como forma de promover, valorizar e reforçar o espírito patriótico dos jovens chineses, no dia 4 de maio, os jovens com idades entre os 14 e os 28 anos têm direito a meio dia livre, quer seja na escola, universidade ou trabalho. 

Dia das Crianças

Tal como se verifica em Portugal, o Dia da Criança realiza-se a 1 de junho e inclui  todas as crianças que tenham menos de 14 anos. Nesse dia, as crianças chinesas têm o dia de escola livre e muitos pais decidem pedir folga, para que possam aproveitar o dia junto dos seus filhos. 

Dia das Forças Armadas

No dia 1 de agosto, é dado aos militares chineses o direito de trabalharem apenas meio dia, como forma de homenagear e congratular todo o seu trabalho e empenho em defender a pátria chinesa. 

Natal

Na China, e embora toda a cidade esteja decorada a rigor para homenagear a época, o natal não é considerado feriado, pelo que, no dia 25 de dezembro, as pessoas da comunidade chinesa trabalham, como se de um dia normal se tratasse. 

Embora sejam apenas sete, os feriados oficiais permitem que uma parte dos trabalhadores chineses descansassem nesse dia. A China celebra ainda outras festividades que permitem igualmente comemorar e manter as tradições milenares do país. O certo é que algumas das comemorações chinesas assemelham-se às portuguesas, sendo que umas coincidem no mesmo dia, outras não.  

Deixa uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *